foto boa suzana

Amar é a revolução, por Suzana Cavalcanti

PUBLICAÇÃO MENSAL DE ASSOCIADOS LETRART

Recife, 1º de dezembro de 2018 / Preparando o Natal 2018

Meu Manifesto: uma construção… versão número dois – o que aconteceu na prática de quem ama, é e foi amada.

Como tataraneta, bisneta, neta, filha, irmã, companheira, camarada, educadora e professora ao longo dos meus 58 anos, venho nos últimos meses fazendo um resgate autobiográfico temático sobre a questão política, articulando minha militância à atividade profissional nas lutas do povo da cidade do Recife, Estado de Pernambuco e Nação Brasileira.
Depois que decidi criar uma lista de valores e princípios que refletem a minha história de vida, pensei se eram, realmente, os que eu gostaria de levar adiante, dos quais eu não queria abrir mão, e que eu gostaria de cultivar para o futuro.
Meus valores serão uma referência quando eu estiver precisando tomar uma posição coerente com o que acredito e com o meu estilo de vida.
A vida é muito curta e, por isso, eu só gasto tempo fazendo o que importa, realmente. Com isso, empreendo a vida criando o meu próprio caminho, honrando quem e o que veio primeiro. Meus ancestrais têm prioridade! Numa linha sucessiva, a família: filho, nora, neta, mãe, irmãs e sobrinhos.
Vim ao mundo para servir. Para amar e perdoar. Para isso, me cuido no sentido da libertação e da cura nos campos cognitivo, afetivo, emocional e espiritual.
Gratidão a todos os que me ajudaram e ajudam na minha caminhada: Dr. Durval Bezerra, Dr. Antônio Peregrino e Dr. José Waldo Saraiva Câmara Filho, médicos psiquiatras. Dr. Agostinho Rosas e Antônio Paulo Resende, professores da Universidade de Pernambuco e Universidade Federal de Pernambuco, respectivamente. Drª Alice Mirtes de Aguiar e Dr. Marcos Andrade, psicólogos clínicos; Profº Paulo Rosas (em memória), responsável pela introdução da psicanálise na minha vida e formação; Ester Calland, responsável pela formação da equipe médica e psicológica para me acompanhar na longa jornada; Luciana Coutinho, terapeuta holística; João Francisco de Souza (em memória); Edla de Araújo Lira Soares e Marileide Costa, professores da Universidade Federal de Pernambuco; José Erickson Bezerra Viana, Carmem Lúcia Bezerra Bandeiras, Salete Rêgo Barros e Taciana Valença, amigos antigos e novos – afetos do sempre presente. David Cavalcanti Fernandes de Souza, meu amado filho. Elzania Lopes Ramos, minha querida mãe.
Todos ajudaram a minha conexão com o sentido da vida, com o seu entorno e com o planeta e a natureza. Por isso, volto para dentro lembranças do que vim fazer aqui e agora.
Uma vez alinhada com a minha missão de vida e de humanidade, que é a evolução nos campos cognitivo, afetivo, emocional e espiritual, ocupo o meu lugar e o disponibilizo para quem é responsável por ele. Os líderes espirituais e filósofos têm lugar de destaque na minha formação ética, política, acadêmica e moral.
Neste sentido, crio um trabalho com significado, alinhando minha missão à minha ação.
Sou autêntica e coloco-me a serviço de uma contribuição única. Ninguém poderá fazer isso por mim.
Desenvolvo uma visão sistêmica para fazer escolhas conscientes do impacto que posso causar no meu entorno e na sociedade. Educa-se pelo exemplo!
Faço o que amo sem deixar de resolver problemas reais do mundo.
Sou comprometida com a HUMANIDADE!
Coloco o TER a serviço do SER. Não me apego a formas. Só à ESSÊNCIA.
Tenho um estilo de vida com propósito e busco coerência entre o pensar, o sentir e o querer.
Ajudo a criar um senso de COMUNIDADE, fruto de experiências e reflexões com pessoas de classes sociais diversas, onde compartilhei conhecimento e acesso a bens materiais, cognitivos, afetivos e espirituais.
Sou uma eterna aprendiz na arte de estudar, pensar e compartilhar saberes: erudito e popular – fruto das minhas histórias de vida.
Sou miscigenada: indígena, preta e europeia!
Colaboro para criar caminhos e cultivo relações verdadeiras independentemente de ideias, credo, etnia ou gênero.
Procuro estar perto de quem quer criar um futuro parecido com o meu: esse é o critério.
Afasto-me de quem não tem essa perspectiva, embora os respeite. Assumo minha diferença e unidade!
Busco sempre ter um olhar novo para enxergar o mundo e a vida de outras formas.
Levo em consideração outros pontos de vista. Não existe uma verdade!
Sou e estou sempre aberta ao diálogo construtivo e não agressivo! Sou sensível à cólera!
Desenvolvo autonomia e busco autossuficiência, consciente das interdependências. Fazemos parte de uma aldeia com elos que nos ligam.
Não separo. Integro. Sigo o caminho do meio, o do equilíbrio: nem tanto ao céu, nem tanto ao mar.
Sonho com um mundo amoroso e afetivo para mim e para todos os seres humanos à minha volta.
Concretizo sonhos e assim me sinto realizada.
Sou da TURMA DO BEM, por isso faço o bem sem olhar a quem e não espero retorno pessoal. Trabalho pelo COLETIVO!
Sonho com a minha visão de futuro e procuro transformá-la em realidade diariamente.
Foco no futuro e estou presente no agora.
Do passado só guardo as boas lembranças e o aprendizado das não-boas. Vejo tudo pelo lado positivo!
Estou sempre em MOVIMENTO, independentemente do que vai acontecer. Isso é VIDA! Isso é dialético!
Sou responsável e tenho maturidade para responder com consciência a tudo o que vem em minha direção.
Opto por qualidade em detrimento da quantidade e sou uma consumista consciente.
Para viver com leveza parto da premissa de que o prazer com responsabilidade é FUNDAMENTAL.
Faço da FELICIDADE minha trajetória.
Meu projeto é SER FELIZ e eu tenho motivos de sobra para isso: tenho uma FAMÍLIA LINDA E SAUDÁVEL, e estamos esperando LETÍCIA, com 4 meses de gestação. Estou sendo abençoada por Deus!
Sou protagonista da minha história e da minha vida e não aceito nada menos que o incrível. Sou preparada nos campos cognitivo, afetivo, emocional e espiritual para CRIAR um MUNDO NOVO.
Espalho SEMENTES!
Lembro-me sempre que a SIMPLICIDADE é o grau máximo de satisfação. Por isso levo uma vida simples e procuro ter sempre sentimentos elevados com a qualidade que eu conquistei com meus méritos: SOU PROFESSORA CONCURSADA DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO. E nesta instituição agradeço ao Professor Paulo Cabral de Oliveira e à Professora Vera Samico que, na ocasião, representaram o coletivo.
Cuido da minha FAMÍLIA com todo meu AMOR e dou TEMPO DE QUALIDADE a ela. Sou uma MÃE AMOROSA, AFETUOSA E PACIENTE. Sou uma filha CARINHOSA. Trato as crianças, os idosos da FAMÍLIA e da COMUNIDADE com AMOR e RESPEITO. Exijo respeito de todos, também, a mim e aos meus limites.
Saindo da minha ZONA DE CONFORTO, neste período crítico por que passa o Brasil e o povo brasileiro, foi que optei por declarar os nomes dos meus candidatos e, ao mesmo tempo, declarar os princípios que pautaram a minha decisão: AMIZADE, SOLIDARIEDADE, JUSTEZA, AMOR E FIDELIDADE, defendidos em todos os campos da vida.
Sei que há pessoas que consideram a política uma atividade suja e feia. Política, porém, é a nossa vida. Nossos acordos familiares, sociais e profissionais.
Participar da política de um país, seja através do voto, fazendo campanha ou tornando-se um político, é pensar no BEM COMUM. Há muitos, em todo o mundo, que se perdem, e nem políticos são. Mas nem todos são assim. Os países, os estados e as cidades continuam sendo administrados e há políticos hábeis.
Algumas pessoas não sabem o que são valores éticos. Há necessidade de EDUCAR. EDUCAR PARA QUE TENHAMOS PESSOAS CAPAZES DE CRIAR, MANTER E PRESERVAR POLÍTICAS PÚBLICAS QUE BENEFICIEM TODOS OS SERES HUMANOS SEM DISTINÇÃO.
Nesta direção e com vigilância crítica construtiva permanente é que votei em: Paulo Câmara e Luciana Santos – Governador e vice-governadora, por um Estado de Pernambuco que valorize e cuide das pessoas e da natureza, e que seja amoroso e afetivo; Humberto Costa e Jarbas Vasconcelos – Senadores da República, por um Senado justo e que trabalhe com equidade e justiça social; apoiei intensamente Tereza Leitão – Deputada Estadual, por um projeto de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia a serviço dos pernambucanos; João Paulo, Deputado Estadual, por um projeto de Educação, Cultura e Arte para todos os pernambucanos; Carlos Veras Deputado Federal, por um projeto nacional que garanta o estabelecimento de direitos sociais e civis para o povo brasileiro; Haddad e Manuela D’Ávila para presidente e vice-presidente do Brasil, pela democracia e soberania nacional e popular.
Dito isso, comprometo-me a fazer a minha parte como professora universitária e comunicadora social que ama a vida, a liberdade e a comunhão entre os seres humanos.
Nesta conjuntura que se apresenta confusa, instigante e desafiadora para nós, pensadores intelectuais, professores e artistas que fazem a Cultura Pernambucana, abro o meu coração com a certeza de que a paz e o amor serão o nosso propósito para 2019 – dependendo do que pensamos e projetamos para o futuro mental, emocional, cognitivo e afetivo do Brasil.
Avante! Rumo ao equilíbrio e bom senso, sabendo que a paciência e o diálogo, armas dos sábios, serão o MOTOR DA HISTÓRIA.
Segundo o Dr. David Cavalcanti Fernandes de Souza, meu filho: “O povo é soberano, mãe!”
É isso aí!
Eleição também é SORTE!
Humor criativo e CONSTRUTIVO, e propostas de ação qualificada, frutos de muitos estudos e reflexão nas conquistas da democracia brasileira em constante construção! …
Feliz Natal, Amigos!!!
Um 2019 abençoado para todos os familiares e amigos.

Com o afeto e o carinho de

Suzana Cavalcanti.

Comentários Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *